Arquivo mensais:agosto 2014

CNH suspensa Concórdia – DOE/SC

Publicado em 28 de agosto de 2014 22:38

CNH suspensa Concórdia – DOE/SC – 28/08/2014
ATO PUNITIVO
A POLÍCIA CIVIL DO ESTADO DE SANTA CATARINA, através do Delegado Regional De Polícia Civil Da 14a DRP/CIRETRAN, com fundamento na Lei nº. 9.503, de 23/09/97, que instituiu o Código de Trânsito Brasileiro, Resolução nº. 182/2005 do CONTRAN, RESOLVE: I – De conformidade com a decisão do Processo Administrativo nº. DETRAN DR14 5084/2013, SUSPENDER o direito de dirigir veículos automotores de SIGMA CLASSER, portador da Carteira Nacional de Habilitação de Registro nº. 02269897192, pelo prazo de 02 (dois) meses, contados a partir do momento da entrega da sua CNH, bem como submetê-lo ao curso de reciclagem nos termos do Art. 268, II do Código Nacional de Trânsito Brasileiro, por ter infringido ao Art. 218, III do referido Diploma Legal; De conformidade com a decisão do Processo Administrativo nº. DETRAN DR14 6398/2013, SUSPENDER o direito de dirigir veículos automotores de MARCOS GUTBIER, portador da Carteira Nacional de Habilitação de Registro nº. 01088613854, pelo prazo de 02 (dois) meses, contados a partir do momento da entrega da sua CNH, bem como submetê-lo ao curso de reciclagem nos termos do Art. 268, II do Código Nacional de Trânsito Brasileiro, por ter infringido ao Art. 218, III do referido Diploma Legal; De conformidade com a decisão do Processo Administrativo nº. DETRAN DR14 61297/2013, SUSPENDER o direito de dirigir veículos automotores de CLAUDIOMAR DALLAGNOL, portador da Carteira Nacional de Habilitação de Registro nº. 02713182306, pelo prazo de 02 (dois) meses, contados a partir do momento da entrega da sua CNH, bem como submetê-lo ao curso de reciclagem nos termos do Art. 268, II do Código Nacional de Trânsito Brasileiro, por ter infringido ao Art. 218, III do referido Diploma Legal; De conformidade com a decisão do Processo Administrativo nº. DETRAN DR14 5933/2013, SUSPENDER o direito de dirigir veículos automotores de PAULO ANTONIO MINOSSO, portador da Carteira Nacional de Habilitação de Registro nº. 01135439241, pelo prazo de 12 (doze) meses, contados a partir do momento da entrega da sua CNH, bem como submetê-lo ao curso de reciclagem nos termos do Art. 268, II do Código Nacional de Trânsito Brasileiro, por ter infringido ao Art. 165, do referido Diploma Legal; De conformidade com a decisão do Processo Administrativo nº. DETRAN DR14 6771/2013, SUSPENDER o direito de dirigir veículos automotores de DOUGLAS LEANDRO RIEGER FORTES, portador da Carteira Nacional de Habilitação de Registro nº. 02209721678, pelo prazo de 02 (dois) meses, contados a partir do momento da entrega da sua CNH, bem como submetê-lo ao curso de reciclagem nos termos do Art. 268, II do Código Nacional de Trânsito Brasileiro, por ter infringido ao Art. 218, III do referido Diploma Legal; De conformidade com a decisão do Processo Administrativo nº. DETRAN DR14 11065/2013, SUSPENDER o direito de dirigir veículos automotores de SIDNEI LUIS THOMAS, portador da Carteira Nacional de Habilitação de Registro nº. 03760324360, pelo prazo de 12 (doze) meses, contados a partir do momento da entrega da sua CNH, bem como submetê-lo ao curso de reciclagem nos termos do Art. 268, II do Código Nacional de Trânsito Brasileiro, por ter infringido ao Art. 165, do referido Diploma Legal; De conformidade com a decisão do Processo Administrativo nº. DETRAN DR14 13615/2013, SUSPENDER o direito de dirigir veículos automotores de NEDIO SPRICIGO, portador da Carteira Nacional de Habilitação de Registro nº. 01640844500, pelo prazo de 12 (doze) meses, contados a partir do momento da entrega da sua CNH, bem como submetê-lo ao curso de reciclagem nos termos do Art. 268, II do Código Nacional de Trânsito Brasileiro, por ter infringido ao Art. 165, do referido Diploma Legal; De conformidade com a decisão do Processo Administrativo nº. DETRAN DR14 12907/2013, SUSPENDER o direito de dirigir veículos automotores de CLARECI DICKEL, portador da Carteira Nacional de Habilitação de Registro nº. 03319909406 pelo prazo de 02 (dois) meses, contados a partir do momento da entrega da sua CNH, bem como submetê-lo ao curso de reciclagem nos termos do Art. 268, II do Código Nacional de Trânsito Brasileiro, por ter infringido ao Art. 218, III do referido Diploma Legal; De conformidade com a decisão do Processo Administrativo nº. DETRAN DR14 59365/2013, SUSPENDER o direito de dirigir veículos automotores de GABRIEL FILIPE ZUCHI, portador da Carteira Nacional de Habilitação de Registro nº. 04694732578 pelo prazo de 02 (dois) meses, contados a partir do momento da entrega da sua CNH, bem como submetê-lo ao curso de reciclagem nos termos do Art. 268, II do Código Nacional de Trânsito Brasileiro, por ter infringido ao Art. 218, III do referido Diploma Legal; De conformidade com a decisão do Processo Administrativo nº. DET ET RAN DR14 16501/2013, SUSPENDER o direito de dirigir veículos automotores de WILLIBALDO ROBERTO BACH, portador da Carteira Nacional de Habilitação de Registro nº. 01891353799, pelo prazo de 02 (dois) meses, contados a partir do momento da entrega da sua CNH, bem como submetê-lo ao curso de reciclagem nos termos do Art. 268, II do Código Nacional de Trânsito Brasileiro, por ter infringido ao Art. 218, III do referido Diploma Legal; De conformidade com a decisão do Processo Administrativo nº. DETRAN DR14 61158/2013, SUSPENDER o direito de dirigir veículos automotores de MARCOS PELLIZZARO, portador da Carteira Nacional de Habilitação de Registro nº. 02153537124, pelo prazo de 02 (dois) meses, contados a partir do momento da entrega da sua CNH, bem como submetê-lo ao curso de reciclagem nos termos do Art. 268, II do Código Nacional de Trânsito Brasileiro, por ter infringido ao Art. 218, III do referido Diploma Legal; De conformidade com a decisão do Processo Administrativo nº. DETRAN DR14 15055/2013, SUSPENDER o direito de dirigir veículos automotores de MOACIR MENIN, portador da Carteira Nacional de Habilitação de Registro nº. 02136592890, pelo prazo de 02 (dois) meses, contados a partir do momento da entrega da sua CNH, bem como submetê-lo ao curso de reciclagem nos termos do Art. 268, II do Código Nacional de Trânsito Brasileiro, por ter infringido ao Art. 218, III do referido Diploma Legal; De conformidade com a decisão do Processo Administrativo nº. DETRAN DR14 15062/2013, SUSPENDER o direito de dirigir veículos automotores de JAIMIR DA SILVA, portador da Carteira Nacional de Habilitação de Registro nº. 03805573094, pelo prazo de 02 (dois) meses, contados a partir do momento da entrega da sua CNH, bem como submetê-lo ao curso de reciclagem nos termos do Art. 268, II do Código Nacional de Trânsito Brasileiro, por ter infringido ao Art. 218, III do referido Diploma Legal; De conformidade com a decisão do Processo Administrativo nº. DETRAN DR14 60053/2013, SUSPENDER o direito de dirigir veículos automotores de ADRIANA SCHEREIDER, portador da Carteira Nacional de Habilitação de Registro nº. 04463409464, pelo prazo de 02 (dois) meses, contados a partir do momento da entrega da sua CNH, bem como submetê-lo ao curso de reciclagem nos termos do Art. 268, II do Código Nacional de Trânsito Brasileiro, por ter infringido ao Art. 218, III do referido Diploma Legal; De conformidade com a decisão do Processo Administrativo nº. DETRAN DR14 4181/2014, SUSPENDER o direito de dirigir veículos automotores de DIEGO STEFFEN BERGAMASCHI, portador da Carteira Nacional de Habilitação de Registro nº. 03752471102, pelo prazo de 13 (treze) meses, contados a partir do momento da entrega da sua CNH, bem como submetê-lo ao curso de reciclagem nos termos do Art. 268, II do Código Nacional de Trânsito Brasileiro, por ter infringido ao Art. 175 e 165 do referido Diploma Legal; II– DETERMINAR a anotação das penalidades nos prontuários dos condutores para efeitos dos Artigos 159, § 7º, 256 § 3º e 259, após decorridos os prazos estabelecidos no Art. 290, § Único, todos do CTB; e III – COMUNICAR o DENATRAN, conforme a exigência do Art. 22, VIII do CTB. E, constando nos autos do respectivo processo administrativo terem restado frustradas as tentativas de notificação do infrator via correspondência registrada, fica, pelo presente edital, intimado a entregar sua CNH na Delegacia de Policia Civil mais próxima de sua residência no prazo de 48h, dando inicio ao cumprimento das respectivas penalidades.REG ISTRE-SE E PUBLIQUE -SE.
Concórdia – SC, 12 de agosto de 2014.
Dr. LUIZ AUGUSTO BUCHELE
Del. Reg. Pol. 14a DRP/CIRETRAN

 

Obras na BR-280 entre São Francisco do Sul e BR-101 ficam para 2015

Publicado em 27 de agosto de 2014 18:39

Obras na BR-280 entre São Francisco do Sul e BR-101 ficam para 2015

Erro em edital torna praticamente inviáveis obras de duplicação neste ano

novo adiamento da abertura das propostas para a duplicação da BR-280, no trecho de 36,7 quilômetros entre o Porto de São Francisco do Sul e a BR-101, torna praticamente inviável qualquer expectativa de ver obras na rodovia ainda em 2014.

A abertura das propostas, prevista para a próxima quinta-feira, dia 28, foi prorrogada pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) para o dia 7 de outubro.

Desta vez, não foram entraves com a demarcação de terras indígenas ou exigências ambientais que provocaram o adiamento, mas um erro no texto do edital que prevê as exigências e os percentuais de encargos sociais, custos administrativos, remuneração da empresa e despesas fiscais usadas na elaboração do orçamento.

A decisão de retificar o edital foi tomada no dia 19 de agosto pela comissão de licitação do DNIT-SC, mas foi oficializada apenas na terça-feira no site do órgão nacional.

O superintendente do DNIT em Santa Catarina, Vissilar Pretto, ainda tenta antecipar a abertura das propostas para o fim de setembro, mas como a data já está publicada, é pouco provável que seja possível reverter o atraso.

Na prática, o adiamento representa esperanças ainda menores de ver as máquinas em operação no trecho em 2014. Isso porque há pelo menos dois prazos que superam os 90 dias: o período que as empresas e consórcios têm para questionar o resultado da licitação e recorrer administrativamente; e o prazo da realização de uma série de preparativos após a assinatura da ordem de serviço (as condicionantes, que podem ser ambientais e indígenas, por exemplo).

Somados apenas os dois prazos, é provável que a obra comece somente em fevereiro do ano que vem. Foi o que ocorreu com os lotes 2.1 e 2.2, entre a BR-101 e o trecho urbano de Jaraguá do Sul. A presidente Dilma Rousseff esteve em São Francisco do Sul para assinar as ordens de serviço em dezembro de 2013, mas os primeiros passos foram dados só em 2014.

A licitação que havia definido a empresa Sulcatarinense como responsável pelos trabalhos no trecho de 36,7 quilômetros foi cancelada pelo DNIT no dia 12 de fevereiro. A decisão do órgão colocou um ponto final em uma batalha jurídica.

Para prefeito de São Chico, é descaso

O prefeito de São Francisco do Sul, Luiz Zera, que tem liderado a reivindicação pela duplicação com empresários e políticos de Araquari e Balneário Barra do Sul, lamentou na terça-feira o adiamento.

— Infelizmente, mais uma decepção entre tantas já sofridas pela população da região e dos usuários da BR-280, nos dando a sensação clara de total displicência considerando todas as manifestações já feitas por forças vivas da sociedade e pelo clamor latente maculado na dor das famílias que tragicamente perderam familiares nesta verdadeira via crúcis que se tornou este acesso federal — disse o prefeito, por meio de nota.

No mesmo texto, Zera chama a demora de descaso para com os moradores do Norte do Estado.



Desapropriações em debate

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) realizou na terça-feira, em Jaraguá do Sul, uma audiência para tratar da desapropriação das terras necessárias para a duplicação da BR-280 nos trechos entre a BR-101 e Jaraguá do Sul.

O encontro, que reuniu cerca de 200 pessoas, serviu para esclarecer dúvidas dos proprietários dos terrenos. Técnicos ligados ao órgão afirmaram que será montada uma comissão para avaliar os valores das áreas e que os preços pagos serão os de mercado.

O lote 2.1 da rodovia, entre a BR-101 e Guaramirim, tem 14 quilômetros, previsão de dois viadutos, duas pontes e duas passarelas, em uma obra orçada em R$ 134,2 milhões. Já o lote 2.2, entre Guaramirim e Jaraguá do Sul, tem 23,8 quilômetros, compreende 15 viadutos, duas pontes e dois túneis paralelos. O investimento é de R$ 535,7 milhões. A obra começou em junho.

A NOTÍCIA

Motorista embriagado mata mulher na BR-364 / Embriaguez / Lei seca art.306 art.165 CTB

Publicado em 27 de agosto de 2014 17:09

Batida aconteceu em Cuiabá na saída para Rondonópolis; homem foi preso em flagrante
Mulher pilotava uma biz/Foto: Reprodução TV Cuiabá
Mulher pilotava uma biz/Foto: Reprodução TV Cuiabá

Um motorista embriagado atropelou e matou uma mulher que estava em uma moto. O acidente aconteceu durante a noite de ontem (25), na BR-364, em Cuiabá, na saída para Rondonópolis. O motorista foi preso em flagrante e autuado por embriagues ao volante.

De acordo com informações da Polícia Civil, a motociclista e o motorista seguiam no mesmo sentido. Ela estava na frente do motorista que não a viu e bateu violentamente na traseira dela.

Os policiais que atenderam a ocorrência acreditam que a falta de iluminação e poeira da estrada fez com que o motorista não enxergasse a motociclista que estava a sua frente. Ela ainda chegou a ser encaminha ao pronto socorro de Cuiabá, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

O acidente foi presenciado pelo marido e filho da mulher que seguiam de carro atrás do motorista que provocou a colisão.  Os policiais também disseram que a mulher se tratava de uma “jovem mãe” que teve a vida tirada por causa da imprudência do motorista que estava alcoolizado.

Ele foi encaminhado para a Central de Flagrantes, fez o teste de bafômetro e foi comprovado a sua embriaguez. 0

Fonte: http://www.odocumento.com.br/noticias/policia-cidades/motorista-embriagado-mata-mulher-na-br-364-,950

 

Lei seca art.306 art.165 CTB
A FCR ADVOCACIA, escritório especializado em recursos de multas e crimes de trânsito, apresenta as alterações da Lei Seca:
LEI Nº 12.760, DE 20 DE DEZEMBRO DE 2012.

Altera a Lei no 9.503, de 23 de setembro de 1997, que institui o Código de Trânsito Brasileiro.
A PRESIDENTA DA REPÚBLICA Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei:
Art. 1o Os arts. 165, 262, 276, 277 e 306 da Lei no 9.503, de 23 de setembro de 1997, passam a vigorar com as seguintes alterações:
“Art. 165. ……………………………………………………………
………………………………………………………………………………….
Penalidade – multa (dez vezes) e suspensão do direito de dirigir por 12 (doze) meses.
Medida administrativa – recolhimento do documento de habilitação e retenção do veículo, observado o disposto no § 4o do art. 270 da Lei no 9.503, de 23 de setembro de 1997 – do Código de Trânsito Brasileiro.
Parágrafo único. Aplica-se em dobro a multa prevista no caput em caso de reincidência no período de até 12 (doze) meses.”(NR)
“Art. 262. …………………………………………………………….
………………………………………………………………………………….
§ 5o O recolhimento ao depósito, bem como a sua manutenção, ocorrerá por serviço público executado diretamente ou contratado por licitação pública pelo critério de menor preço.”(NR)
“Art. 276. Qualquer concentração de álcool por litro de sangue ou por litro de ar alveolar sujeita o condutor às penalidades previstas no art. 165.
Parágrafo único. O Contran disciplinará as margens de tolerância quando a infração for apurada por meio de aparelho de medição, observada a legislação metrológica.”(NR)
“Art. 277. O condutor de veículo automotor envolvido em acidente de trânsito ou que for alvo de fiscalização de trânsito poderá ser submetido a teste, exame clínico, perícia ou outro procedimento que, por meios técnicos ou científicos, na forma disciplinada pelo Contran, permita certificar influência de álcool ou outra substância psicoativa que determine dependência.
§ 1o (Revogado).
§ 2o A infração prevista no art. 165 também poderá ser caracterizada mediante imagem, vídeo, constatação de sinais que indiquem, na forma disciplinada pelo Contran, alteração da capacidade psicomotora ou produção de quaisquer outras provas em direito admitidas.
…………………………………………………………………………” (NR)
“Art. 306. Conduzir veículo automotor com capacidade psicomotora alterada em razão da influência de álcool ou de outra substância psicoativa que determine dependência:
………………………………………………………………………………….
§ 1o As condutas previstas no caput serão constatadas por:
I – concentração igual ou superior a 6 decigramas de álcool por litro de sangue ou igual ou superior a 0,3 miligrama de álcool por litro de ar alveolar; ou
II – sinais que indiquem, na forma disciplinada pelo Contran, alteração da capacidade psicomotora.
§ 2o A verificação do disposto neste artigo poderá ser obtida mediante teste de alcoolemia, exame clínico, perícia, vídeo, prova testemunhal ou outros meios de prova em direito admitidos, observado o direito à contraprova.
§ 3o O Contran disporá sobre a equivalência entre os distintos testes de alcoolemia para efeito de caracterização do crime tipificado neste artigo.”(NR)
Art. 2o O Anexo I da Lei no 9.503, de 23 de setembro de 1997, fica acrescido das seguintes definições:
“ANEXO I
DOS CONCEITOS E DEFINIÇÕES
………………………………………………………………………………….
AGENTE DA AUTORIDADE DE TRÂNSITO -………….
AR ALVEOLAR – ar expirado pela boca de um indivíduo, originário dos alvéolos pulmonares.
………………………………………………………………………………….
ESTRADA – ………………………………………………………….
ETILÔMETRO – aparelho destinado à medição do teor alcoólico no ar alveolar.
………………………………………………………………………………..”
Art. 3o Fica revogado o § 1o do art . 277 da Lei no 9.503, de 23 de setembro de 1997.
Art. 4o Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação
Brasília, 20 de dezembro de 2012; 191o da Independência e 124o da República.
TABELA DE ENQUADRAMENTOS

Tabela de Codificação de Multas

516-9 1 Dirigir sob a influência de álcool 165

516-9 2 Dirigir sob influência subst entorpecente ou q determine dependfísica/psíquica

 

 

 

Motorista pega 92 anos de cadeia

Publicado em 27 de agosto de 2014 16:56

Motorista pega 92 anos de cadeia
A tragédia aconteceu no dia 27 de maio de 2012, quando o carro dele bateu de frente contra um Corsa

O motorista Luciano Rosa Macedo, 36 anos, foi condenado pelo Tribunal do Júri a 92 anos, 6 meses e 20 dias de prisão por dirigir bêbado e provocar acidente que causou a morte de quatro pessoas e ferimento em outras duas no trecho urbano da rodovia BR-153, em Rio Preto. O julgamento terminou por volta das 23h30 desta terça-feira.

A tragédia aconteceu no dia 27 de maio de 2012, quando o Gol conduzido por ele, com seis ocupantes (número acima do permitido), tentou ultrapassar um caminhão em local proibido. Ao invadir a pista contrária, o carro dele bateu de frente contra um Corsa dirigido pelo frentista Felipe Eloy Ronda, 18 anos.

Morreram a mulher de Luciano, Idalina Alves de Jesus, 40, e os sobrinhos dela: Caio Henrique Alves Duarte, 12, Cristovão Alves Duarte, 10, e Tiago de Souza Andrade, 23. Hevilasio Coelho Alves Barbosa, 14, filho de Idalina, e o condutor do Corsa, se feriram gravemente. 

Fonte: http://www.diarioweb.com.br/novoportal/Noticias/Estradas/204221,,Motorista+que+dirigiu+bebado+e+matou+4+pega+92+anos+de+cadeia.aspx

Após discussão, mulher põe fogo em carro de namorado em Jaraguá do Sul

Publicado em 27 de agosto de 2014 16:51

Após discussão, mulher põe fogo em carro de namorado em Jaraguá do Sul

Carro estava estacionado em uma rua movimentada da cidade. Bombeiros foram acionados para conter as chamas; ninguém ficou ferido

Uma mulher de 39 anos é suspeita de atear fogo no carro do companheiro em Jaraguá do Sul, no Norte de Santa Catarina. De acordo com a Polícia Militar o caso aconteceu por volta das 6h de sábado (23). O caso aconteceu em uma rua movimentada da cidade.

O Corpo de Bombeiros foi acionado para apagar o incêndio no carro, na Rua João Planischek, no bairro Nova Brasília. O Chevette com placas de Jaraguá do Sul ficou totalmente destruído. Segundo a PM, o dono do veículo informou que o incêndio teria sido provocado por sua companheira, após uma discussão.

O pedreiro de 24 anos prestou depoimento na delegacia. O caso será investigado pela Polícia Civil. Ainda segundo os policiais, a suposta namorada não estava no local no momento da chegada das equipes.

Fonte: http://surgiu.com.br/noticia/166765/apos-discussao-mulher-poe-fogo-em-carro-de-namorado-em-jaragua-do-sul.html

Jovem morre ao bater moto na traseira de caminhão na BR-101

Publicado em 27 de agosto de 2014 16:00

 

Acidente ocorreu na manhã desta segunda (25) no km 216,3, em Palhoça.
Rapaz de 23 anos não resistiu ao ferimentos e morreu no local.

Um jovem de 23 anos morreu na manhã desta segunda-feira (25) ao bater de moto na traseira de um caminhão na BR-101 em Palhoça, na Grande Florianópolis. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o acidente foi no km 216,3.

Por volta das 8h, o motoqueiro natural de Florianópolis perdeu o controle da CG Titam, com placas de Paulo Lopes, e colidiu na parte de traseira do caminhão, entrando embaixo do veículo. Ele morreu no momento da batida.

O motorista da carreta Internacional 98001, com placas de Taboão da Serra (SP), saiu ileso do acidente. Ele é natural de Lageado (RS) e tem 32 anos. No período de retirada dos veículos do local, houve lentidão no trânsito em sentido Norte, segundo a PRF.

Fonte: http://g1.globo.com/sc/santa-catarina/noticia/2014/08/jovem-morre-ao-bater-moto-na-traseira-de-caminhao-na-br-101.html

Motociclista de 36 anos morre após colidir contra van na BR-470, no Vale

Publicado em 27 de agosto de 2014 15:53

Segundo bombeiros, homem morreu minutos depois de chegar ao hospital.
Acidente aconteceu no início da manhã desta terça-feira (26) em Indaial.

Um motociclista de 36 anos morreu no início da manhã desta terça-feira (26), após colidir frontalmente contra uma van na BR-470, em Indaial, no Vale do Itajaí. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o acidente aconteceu por volta das 6h50 no km 71, no trevo de acesso ao município.

O Corpo de Bombeiros Voluntários informou que o homem teve uma parada cardiorrespiratória e sofreu lesões graves. Ele chegou a ser reanimado pela equipe de socorro no local e foi levado para o Hospital Beatriz Ramos, em Indaial.

De acordo com as informações, o motociclista morreu alguns minutos após dar entrada na unidade de saúde. A PRF disse que a van levava alguns passageiros e que ninguém no veículo se feriu com a batida.

Fonte: http://g1.globo.com/sc/santa-catarina/noticia/2014/08/motociclista-de-36-anos-morre-apos-colidir-contra-van-na-br-470-no-vale.html

Vídeo mostra motociclista embriagado na BR-101 em Itajaí

Publicado em 27 de agosto de 2014 15:49

Homem foi preso durante ronda domingo à noite

Vídeo divulgado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) mostra um motociclista de 27 anos preso por dirigir embriagado durante ronda na BR-101, em Itajaí. O flagrante ocorreu às 22h55 de domingo.

As imagens mostram os policiais chegando ao local e encontrando o jovem caído na rodovia, ao lado da motocicleta. O homem tem dificuldades, inclusive, para entregar a habilitação ao policial. De acordo com a PRF, o teste com bafômetro acusou teor alcóolico de 1,19 mg/L.

Entre sexta-feira e domingo, a PRF flagrou ao menos 28 motoristas dirigindo sob efeito de álcool nas rodovias federais do Estado — 16 dessas ocorrências somente domingo. Três deles foram presos e outros 25 multados. Também no fim de semana, porém nas rodovias estaduais, a Polícia Militar Rodoviária prendeu seis pessoas por embriaguez ao volante.

 

Fonte: http://anoticia.clicrbs.com.br/sc/noticia/2014/08/video-mostra-motociclista-embriagado-na-br-101-em-itajai-4583754.html

Cinco veículos se envolvem em acidente na BR-470, em Indaial

Publicado em 27 de agosto de 2014 15:45

Duas pessoas tiveram ferimentos leves

Cinco veículos se envolveram em um acidente no fim da tarde desta terça-feira, na BR-470, em Indaial. Dois caminhões, um Toyota, uma Parati e uma moto provocaram um engavetamento por volta das 17h30min, na altura do Km 71,3, na frente da Uniasselvi.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal, o trânsito estava lento no local e havia formação de filas. Quando o primeiro caminhão parou, os caros que viham atrás não conseguiram parar, o que causou o engavetamento.

Duas pessoas tiveram ferimentos leves. O trânsito teve que ser interrompido parcialmente durante pouco mais de uma hora.

 

Fonte: http://anoticia.clicrbs.com.br/sc/noticia/2014/08/cinco-veiculos-se-envolvem-em-acidente-na-br-470-em-indaial-4584103.html

Abertura das propostas para duplicação da BR-280 é adiada

Publicado em 26 de agosto de 2014 17:48

Abertura das propostas para duplicação da BR-280 é adiada

Nova decepção na duplicação da BR-280. A abertura das propostas do lote 1, entre São Francisco do Sul e a BR-101, marcada para esta quinta-feira, foi adiada para o início de outubro pelo DNIT. A alegação foi de necessidade de dar mais tempo para as empresas interessados atenderem a ajustes no edital. Há possibilidade de a nova data da abertura das propostas, agora remarcada para 7 de outubro, ser antecipada para setembro.

O edital do trecho de duplicação dos 36 quilômetros entre o porto de São Francisco do Sul e o trevo com a BR-101 foi lançado pela primeira vez no ano passado, mas cancelado em fevereiro após disputa judicial envolvendo empresas participantes. A atual concorrência foi aberta no mês passado. Os demais dois lotes, entre o cruzamento das BRs 280 e 101 e Jaraguá do Sul, já tiveram a fase de licitação concluída ainda no passado e continuam na fase inicial de obras.

Fonte: AN

http://wp.clicrbs.com.br/saavedra/2014/08/26/abertura-das-propostas-para-duplicacao-da-br-280-e-adiada/?topo=84,2,18,,,84?65456