• FCR ADVOCACIA

"Crimes diminuíram, mas índices estão longe do aceitável", afirma delegada regional de Joinville

Em entrevista, Tânia Harada informa planos para 2019 com base nos bons resultados de seus dois anos na gestão 


Perto de completar dois anos à frente da Delegacia Regional de Joinville, a delegada Tânia Harada planeja para 2019 a implantação de mais delegacias especializadas na cidade. O plano é com base nos bons resultados das duas unidades do tipo existentes na cidade: a Delegacia de Homicídios (DH), que registrou diminuição do número de assassinatos em 37%; e de Divisão de Investigação Criminal (DIC), com redução de 47% nos roubos.

Em entrevista à rádio Globo, Tânia falou do balanço deste ano, com a diminuição expressiva dos índices de criminalidade, além de metas e projeções para o ano que vem.


Balanço de 2018 aponta diminuição nas ocorrências

Foi um ano muito proveitoso com muitos avanços e redução de índices. Em comparação com os números do ano passado, diminuímos a quantidade de roubos em 47%; homicídios em 37% e os furtos tiveram entre 25 a 27% de redução. Estas quedas se devem a um esforço conjunto de todas as forças de segurança presentes em Joinville. É injusto atribuir este bom resultado tão somente a Civil, tivemos um esforço de todas as forças de segurança. Joinville vinha em uma crescente nos índices de criminalidade, se não se fizesse alguma coisa para conter e tentar reduzir, no futuro isso seria muito mais difícil. Seria uma realidade muito pior e muito mais difícil de voltar atrás. Houve uma reação, um esforço da Secretaria de Segurança de Santa Catarina de um modo geral para que esses bons números fossem alcançados.

LEIA MAIS https://www.nsctotal.com.br/noticias/crimes-diminuiram-mas-indices-estao-longe-do-aceitavel-afirma-delegada-regional-de


@2012 Fernando Cesar Rosa Advogado Acidente de Trânsito e Embriaguez