Buscar
  • FCR ADVOCACIA

Motorista de carro arrastado em Chapecó contesta caminhoneiro e revela pânico

Acidente de trânsito aconteceu na noite de quinta-feira (14) no acesso ao município. As imagens impressionantes tomaram conta da internet no dia seguinte


A mulher que dirigia o carro de passeio arrastado por um caminhão em Chapecó, no Oeste de Santa Catarina, contesta a versão do caminhoneiro de que ele não teria percebido o acidente. O episódio aconteceu na noite da última quinta-feira (14) no acesso ao município. As imagens impressionantes viralizaram na internet no dia seguinte. Ao nd+, a motorista conta que deixava a cidade pela BR-480 na pista da direita, no entanto, como estava indo para São Miguel do Oeste, no Extremo-Oeste do Estado, precisava entrar na pista esquerda para realizar a manobra no trevo e acessar a BR-282. “Tinha uma distância enorme entre o caminhão e o carro da frente, então abaixei meu vidro, sinalizei e buzinei pedindo permissão para entrar na frente, e ele me deixou [entrar na pista da esquerda]. Eu estava indo de vagar quando de repente o caminhão veio com tudo e começou a me arrastar”, falou a motorista, que não quis ser identificada. O carro foi arrastado por alguns metros e as imagens do acidente impressionante ganharam a internet. O barulho dos pneus do carro podem ser ouvidos no vídeo que dura apenas 16 segundos. A gravação, feita por uma testemunha que estava ao lado da rodovia, mostra o carro com as rodas travadas na frente do caminhão, que segue acelerando como se não percebesse a existência desse “obstáculo”. “Me desesperei e comecei a buzinar. Entrei em estado pânico quando o caminhão encostou em mim, puxei o freio de mão porque imaginava que ia conseguir parar meu carro para ele sair de trás de mim, mas não tinha jeito, cada vez ele ia me empurrando mais”. Para se livrar do caminhão, a motorista precisou desviar o carro para o acostamento, onde recebeu ajuda de comerciantes. Já o caminhoneiro seguiu viagem em direção a Xanxerê. O VW/Polo sofreu danos no para-choque traseiro e no porta malas. Ao nd+, o caminhoneiro, que preferiu também não ser identificado, disse que não percebeu a situação e ficou sabendo do ocorrido horas depois através da internet. “Não sei o que aconteceu. Estava parado na fila, aí quando começou a andar, eu andei também. Não vi nenhum carro na minha frente, não ouvi barulho nenhum, pois os vidros estavam fechados e o banco é baixo”. Ele afirmou que poderia ter ocorrido algum problema mecânico com o automóvel. “Quando arranquei com o caminhão não vi nada, não senti nada”. No entanto, a mulher contesta esta versão. “Não existe ele não ter escutado, o vídeo mostra que o barulho dos pneus era muito alto. A única certeza que tenho é que ele me viu, sim. Coloquei o rosto para fora, sinalizei com o braço bem alto, buzinei e ele deixou eu entrar na frente dele. O carro não tinha problemas, tanto que voltamos para casa com ele”. Trauma Traumatizada com o ocorrido, a motorista conta que precisou ser medicada e ainda sofre as consequências psicológicas. “Passei mal no fim de semana, não consigo dirigir, estou em pânico de entrar no carro, meu esposo tem que estar me levando”. Ela registrou o caso em um boletim de ocorrências. A Polícia Rodoviária Federal investiga a causa do acidente. Fonte: https://ndmais.com.br/transito/motorista-de-carro-arrastado-em-chapeco-contesta-caminhoneiro-e-revela-panico/



2 visualizações0 comentário